Careers / Career Advice / Networking, Applying, and Interviewing / Dois passos vitais para finalizar o currículo

Dois passos vitais para finalizar o currículo


Seu currículo é o cartão de visita para os recrutadores. É onde você mostrar:

  • O que você sabe?
  • O que você conquistou?
  • O que você é capaz de fazer?

Currículos têm um papel vital: vender você ao seu futuro empregador.

Por isso é especialmente importante que seu currículo esteja à altura do seu trabalho, mostrando toda a sua aptidão em executá-lo. Por isso, é essencial que você gaste um tempo revisando e ajustando-o, antes de se candidatar à vaga. O currículo é seu discurso de vendas, não sua autobiografia. Esses são três princípios básicos que você deve ter em mente ao criar este documento importante:

  • Inclui principalmente seus pontos fortes e proposta de valor
  • É organizado e formatado de maneira atrativa
  • Conciso e direto

Primeiro passo: edite seu currículo

Aqui estão algumas maneiras de focar a edição do currículo, para que você possa garantir que ele esteja correto e cause uma boa impressão.

Comece com os seus pontos fortes. Coloque primeiro o que tem de melhor. Lembre-se de que a maioria dos gerentes de recrutamento estarão atolados em currículos, então garanta que as suas conquistas sejam as mais impressionantes e os seus talentos estejam em lugar de destaque. Você pode querer começar com um resumo sobre você que inclui: o valor que você agrega, e a comprovação disso, através da experiência e das conquistas. Normalmente, você tem apenas dez segundos para impressionar um recrutador com o currículo.

Evite a repetição. Se você tiver desempenhado funções semelhantes ou executado tarefas similares em diferentes etapas de sua carreira, tente diferenciá-las concentrando-se no que alcançou em cada ponto. Se você puder quantificar o valor que agregou à equipe, poderá impressionar melhor os gerentes de contratação.

Mantenha a relevância. Não desperdice espaço em seu currículo com hobbies ou interesses. Concentre-se no que o torna um candidato ideal para esta função. E isso significa remover experiência e conhecimento desatualizados ou irrelevantes. Como regra geral, não inclua detalhes sobre uma função ou qualificação encerrada há mais de 10 anos.

Adapte-o. Ser relevante também significa demonstrar relevância para este trabalho ou função específica. Monte um currículo padrão e personalize-o para cada vaga, para que ele mapeie as qualificações profissionais e responsabilidades estipuladas na descrição do trabalho. Destaque o que é altamente relevante – minimize o resto.

Assim que estiver pronto, é vital verificar o que você escreveu. Nada é mais irresponsável ou derruba a confiança do que apresentar ao possível empregador um currículo desleixado, cheio de erros de digitação e/ou gramaticais.

Segundo passo: revise seu currículo

A revisão do seu currículo é diferente da edição.

A revisão é a verificação muito atenta do documento para garantir que esteja preciso – em relação à gramática, à ortografia e à consistência.

Quando você revisar seu currículo, pense sobre o seguinte:

A revisão não é igual à verificação ortográfica. Não tente tomar atalhos. Embora a verificação ortográfica possa ser uma ferramenta útil, você precisa dedicar tempo e atenção aos detalhes para garantir que seu currículo esteja perfeito.

Imprima-o. É incrível como é mais fácil detectar erros quando você tem uma versão impressa de um documento em sua mão. Sente-se e trabalhe no documento impresso - e use uma caneta vermelha para circular qualquer erro.

Faça uma checklist. Pense naquelas armadilhas gramaticais que podem pegá-lo desprevenido e faça uma lista delas: voz passiva, uso de tempo verbal, tópicos com ponto final, ponto e vírgula, vírgulas seriais, hifens, maiúsculas etc. O que você achar que pode ser difícil, coloque na sua frente, para identificar os erros.

Peça uma revisão. No final do dia, um segundo par de olhos é fundamental para ajudá-lo a verificar seu currículo. Muitas vezes, ficamos "cegos" em relação ao que escrevemos. Peça a um amigo de confiança ou parente que leia seu currículo e prepare para receber o feedback.

Finalização do currículo

A edição e a revisão podem ser determinantes para você ser ou não chamado para uma entrevista. Se você leva a sua vida pessoal e profissional a sério, essas são as duas etapas necessárias – tão importantes quanto ganhar experiência, conhecimento e habilidades.