Careers / Success Stories / Estudantes garantem a conexão nos Jogos Pan-Americanos

Estudantes garantem a conexão nos Jogos Pan-Americanos

Algo completamente diferente da rotina de TI. Fornecer conectividade para 250 mil visitantes e equipes de transmissão.


Equipe dos sonhos conecta os Jogos Pan-Americanos de Toronto, no Canadá

Os Jogos Pan-Americanos são um grande evento: 31 locais de competição, 364 cerimônias de entrega de medalhas, 7.000 atletas, 1 milhão de ingressos vendidos, 650 horas de cobertura online e 23.000 voluntários. Para conectar essa grandiosidade ao mundo, a Cisco, patrocinadora de tecnologia do evento, procurou academias locais da Networking Academy para montar toda a estrutura tecnológica dos Jogos.

Planejando uma rede gigantesca

Em fevereiro de 2015, alunos e instrutores se reuniram com engenheiros da Cisco para começar o planejamento da enorme solução de tecnologia para os Jogos Pan e Parapan-Americanos. Por ser uma das principais patrocinadoras, cabia à Cisco montar, testar e proporcionar conectividade para que 250 mil visitantes, equipes de transmissão e jornalistas online pudessem levar ao mundo a experiência dos 16 dias dos Jogos Pan-Americanos e dos 8 dias dos Jogos Parapan-Americanos.

Wadih Zaatar, Gerente Regional da Cisco Networking Academy no Canadá, entrou em contato com academias na região de Ontário e mais de 350 alunos e instrutores se ofereceram como voluntários. Os instrutores se interessaram pela oportunidade de proporcionar aos alunos uma experiência real como engenheiros de rede em uma situação de missão crítica, aproveitando para apresentá-los a potenciais empregadores. Os alunos estavam ávidos por colocar em prática tudo o que aprenderam em sala de aula e por fazer parte de um evento esportivo mundial.

A dedicação ao trabalho deixa uma ótima impressão

Os alunos e ex-alunos trabalharam em equipes, lado a lado com engenheiros de sistemas da Cisco, montando redes, programando roteadores e switches e solucionando problemas. Dos bastidores aos pódiuns, os alunos puderam aproveitar uma grande oportunidade de aprendizado e perceber que há muito para onde crescer!

“Esta parceria proporcionou oportunidades únicas e inesquecíveis para os nossos alunos”, celebrou Josh Lowe, professor e coordenador de assuntos estudantis da Faculdade de Negócios e Tecnologia da Informação (FBIT). “Eles puderam aplicar os conceitos aprendidos em sala de aula em situações reais e, ao mesmo tempo, tiveram a chance exclusiva de vivenciar os bastidores de um dos maiores e mais conectados eventos esportivos já realizados no Canadá.

Safwan Alam, aluno do 3º ano de TI no Instituto de Tecnologia da Universidade de Ontário, descreve a experiência inesquecível como voluntário durante os jogos: “Trabalhei com pessoas incríveis e coloquei em prática o conhecimento que adquiri nos cursos.”

Leia mais sobre a Cisco nos Jogos Pan-Americanos

Como a Durham College, a Cisco e o Whitby Abilities Centre estão formando os profissionais de TI do futuro, por Laura Franks, Professora de Ciência da Computação da Durham College

Conheça os bastidores dos Jogos de Toronto 2015: programas Cisco I CAN Learn STEM e I CAN Develop, por Jeff Seifert, diretor de tecnologia da Cisco Canadá